Site reúne notícias boas e espalha conteúdo positivo nas redes sociais

Por Raphael Ezonne As imagens que aparecem nesta postagem podem ser reproduções de outros sites e Cherryouth não reivindica nenhum crédito para si, a não ser que especificado. Se você (ou sua empresa) possui os direitos de alguma imagem e não quer que ela apareça em Cherryouth, favor entre em contato e ela será prontamente removida sob critério de avaliação.

Sem título

A primeira coisa que vemos em um site de notícias ou quando abrimos o jornal é aquele monte de tragédia e violência que acontece na nossa cidade, não é mesmo? Matérias interessantes e que tragam alguma coisa de boa pra gente, sempre recebe um destaque menor. Mas não é o que acontece com o “O Lado Bom Do Mundo“.

Tudo começou com uma página no Facebook, criada por Luiz Fernando, que é mais conhecido como Mola, e mora em Bauru, interior de São Paulo. Ele já conquistou quase cinco mil seguidores na fanpage, e hoje já conta com domínio próprio na rede. Mola explicou um pouco sobre o projeto de “good news“, e diz que também se incomoda com a falta de destaque para notícias boas do dia-a-dia: “A ideia de criar a página surgiu quando comecei a me incomodar com a quantidade de notícias ruins pela internet (achar uma boa notícia requer um pouco de esforço). Estou prestes a me formar em Jornalismo, mas não queria participar dessa história do “If bleeds, it leads“, que enche as pessoas de tragédias, pra poder vender jornal, ou fazem espetáculo para conseguir audiência”.

Acesse o site “O Lado Bom Do Mundo”, clicando aqui

foto

Luiz (foto acima) diz que mais se sensibilizou em tudo isso é que ele lia várias pesquisas mostrando como o mundo está melhor do que era, só que as pessoas duvidam sempre dessas pesquisas, porque o que elas vêem todos os dias é o “lado ruim do mundo”.

“Em ‘O Lado Bom do Mundo‘, eu quis reunir todas as boas notícias que eu encontrasse por aí, assim, fazendo essa curadoria do que acontece de bom, as pessoas não precisariam ficar “garimpando” atrás de boas notícias e teriam um site onde elas sabem que não vão encontrar nada que traga negatividade”, finaliza.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s