O mundo misterioso de “iamamiwhoami”

Por Rainer Vinícius, do OH!FUCK Music

Para quem ainda não conhece, ou está conhecendo agora mas não sabe por onde começar, vou tentar passar aqui um breve resumo do projeto “iamamiwhoami”. Por mais simples que possa parecer, devido a carga de mistério e altamente simbólica dos vídeos – e até mesmo dos nomes de cada música/vídeo – parece um pouco mais complicado de se compreender o trabalho. Na verdade, pontuarei algumas coisas, reunindo algumas teorias (que existem aos montes no meio dos fãs) que acredito serem mais lógicas.

Em dezembro de 2009 surge no youtube o projeto “iamamiwhoami”, cercado de mistério sobre sua identidade, e trabalhando ativamente com vídeos e cartas virais enviadas à jornalistas e donos de blogs, instigou meio mundo que logo começaram a especular. Quem estaria por trás dessa loucura insana, que apresenta músicas desprovidos de nomes “normais”, e vídeos carregados na simbologia? Os nomes foram surgindo: Lady Gaga, Christina Aguilera, Gwen Stefani… Mas depois de seis vídeos teasers – mais especificamente com os vídeos de “b” e “o” – é que foi conhecida a identidade da artista: a sueca Jonna Lee. O projeto foi nomeado ao Grammy sueco na categoria “inovação do ano”, o qual venceu.

Vamos comentar um pouco sobre a simbologia dos vídeos. Dois elementos são de destaque: os animais e o aparecimento sempre do número 6. Nos seis primeiros teasers, que não duram mais do que um minuto e meio, sempre ao final aparece a figura de um animal diferente: bode, coruja, baleia, abelha, lhama e macaco. E cada um destes está presente também na sonoridade da qual participa sua figura. Ao que já li, e acredito, cada um parece a velar pelo nascimento da mandrágora – a nova artista que se apresenta ao mundo. É assim que Jonna, aqui a mandrágora que está nascendo, nos mostra surgir um novo som, uma nova forma de fazer música, em um mundo onde muitas vezes a criatividade parece escassa. Sobre o número 6, resumirei uma teoria que existe na comunidade. Como figura geométrica perfeita, temos o hexágono, representação do número 6, que aparece diversas vezes em variadas situações: seis morangos, seis bolos, seis tomates, seis facas, seis mulheres etc, em diferentes vídeos.

O autor da teoria, recorre ao livro do I Ching, que é um livro que pode ser usado para a composição de hexagramas, através da numerologia. Nesta teoria, parecemos encontrar o que cada combinação de números dos teasers encerram. Na ordem cronológica (os vídeos que não estiverem aqui, basta clicar sobre o nome para assistir):

1) “Prelude 699130082.451322-5.4.21.3.1.20.9.15.14.1.12” (bode)

Utilizando a numerologia: madeira, feto, nascimento… – o começo da campanha.

2) “9.1.13.669321018” (coruja)

Utilizando a numerologia: também diz respeito ao nascimento, a inteligência escondida nutrida em si mesmo por um tempo.

3) “9.20.19.13.5.723378” (baleia)

Utilizando a numerologia: feto, cordão umbilical. Ainda sobre o nascimento, o vídeo demonstra exatamente isso.

4) “13.1.14.4.18.1.7.15.18.1.1110” (abelha)

Utilizando a numerologia: algo que brota (a mandrágora), os primeiros passos e a dificuldade em caminhar.

5) “15.6.6.9.3.9.14.1.18.21.13.56155” (lhama)

Utilizando a numerologia: elegância, decoração, bem vindo a casa – o show está para começar.

6) “23.5.12.3.15.13.5-8.15.13.5.3383” (macaco)

Utilizando a numerologia: asterisco, discípulo, habitat, madeira.

7) “b”

O sétimo vídeo quebra toda a expectativa em relação aos anteriores: não apresenta números no nome, nem a figura de um animal. Divulgado em março de 2010, apresenta uma mulher loira embrulhada em plástico, enquanto quatro homens parecem utilizar sua música medicinalmente. No fim, um gato preto sai da sala seis vezes.

8) “o”

Saindo da sala de “b”, vamos para uma estufa. Vários vasos apresentam árvores com olhos e, em um destes, temos nossa mandrágora. Agora coberta com tecidos, ela vai se libertando. No retorno da câmera, apresenta-se seis crânios. E de volta à sala do início, temos a árvore – agora com seis morangos – e o colar que mantinha a mandrágora presa.

9) “u-1”

Um homem de cueca corre pela floresta procura por algo encontrando, finalmente uma fortaleza de papelão para a qual se dirige. Na mesma sala de “b” e “o” um outro homem (ou seria o mesmo?) está sentado com um ventrículo, que canta a música, e logo no início diz em espanhol: “a quién le corresponda” (a quem possa interessar, ou “to whom it may concern”, frase que está presente na capa de todos os singles do projeto).

10) “u-2”

O homem de cueca chega ao forte, encontra um líquido e após a aproximação com este, parece ser contagiado pela energia vibrante que a música contém. Enquanto isso, na sala, o homem pratica atos sexuais com o ventrículo.

11) “n”

A protagonista é vista deitada, e aqui a numerologia se destaca no número seis de folhas de alface e tomate. A mulher é vista na floresta, coberta por substância escura. Depois somos direcionados para uma construção de papel, onde um bebê opera a câmera.

12) “t”

Neste vídeo, Jonna se apresenta nua com apenas algumas gotas de substância branca pelo corpo. E veio reivindicar a cora, e percorre pela floresta a demonstrar o seu reinado. Em cima de um carro a figura de seis mulheres formam os dizeres “eu sou eu” (I am me).

13) “y”

Este é um dos vídeos mais elaborados, e uma das canções que mais me agradam. Em um quarto, o homem de cueca está sentado em um trono, com os itens abandonados por Jonna em “t”. E notório que o mesmo se masturba durante o vídeo. Jonna, sai do que parece ser uma árvore, por uma abertura em formato vaginal, e recebe uma lâmpada na cabeça – como se dissesse: eis aqui a fonte de toda a criação. Em um segundo momento, Jonna começa a ficar coberta pelo líquido escuro, e por fim é embrulhada. Na cena da mesa, a numerologia do 6 está fortemente presente: seis pratos, copos, facas, cadeiras etc.

Quando pensamos que Jonna não poderia nada mais criar, ela inova e cria o “concert”. Lançado em um site, ficou no ar por apenas 4 horas. Em 30 minutos, Jonna criou algo inimaginável, e totalmente encantador. Se quiser assistir clica aqui: parte 1, parte 2, parte 3, parte 4, parte 5 e parte 6.

14) “; john”

Elementos recorrentes na “saga” voltam a aparecer aqui: homem de cueca, o cachorro negro, a substância branca. Enquanto o cachorro atravessa a floresta para chegar à casa branca, Jonna está em um quarto, em uma cama de rolos de papel higiênico. Do lado de fora, uma fila de espera de pessoas sem roupa. Vez ou outra, ela permite a entrada de um homem, com o qual se supõe ter relações sexuais. Acredito mais que Jonna, aplique a cada um deles uma dose da sua música, que não cansa de ser altamente elaborada e, por isso, não menos do que dançante.

Anúncios

2 comentários sobre “O mundo misterioso de “iamamiwhoami”

  1. Que incrível o post, Vinícius.
    Muito bem detalhado, e as teoria da mandrágora é a mais plausível pra mim.

    Eu adorei as descrições de cada vídeo, e de você ter organizado tudo isso. Quando estiver em casa vou assistir todos de novo, e ler com calma. :)

    Parabéns! Que venham mais vídeos, músicas, concertos de Iamamiwhoami.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s