As melhores fotos da história

Cherryouth selecionou imagens que são consideradas até hoje as melhores de todos os tempos

Quem tem o costume de associar uma imagem à uma pessoa conhece muito bem o hábito de memorizar certas imagens por um grande período de tempo, quando ainda isto tenha simibolizado algum fato histórico na vida de alguém. Em muitos anos, várias imagens ficaram registradas na mente de todos os terráqueos, resultado da expansão da informação e da presença constante de um humano em cada canto do planeta, disposto a tirar uma foto para concretizar tal acontecimento.

O Cherryouth selecionou dez das imagens mais famosas que se tem conhecimento. São fatos internacionais e que tiveram, em alguns casos, abrangência nacional, quando se trata da linhagem de um povo, ou a classe social a que ele pertence.

Na imagem acima, podemos ver uma criança sudanesa, clicada em 1994. O fotógrafo Kevin Carter recebeu o Prêmio Pulitzer, um dos mais importantes prêmios de fotografia do mundo, por esta foto, e cometeu suicidio 2 meses depois.

Na imagem acima, se trata do que supostamente foi a primeira fotografia tirada em uma destas câmeras gigantescas, consideradas também as primeiras fabricadas. Tirada pelo fotógrafo Joseph Nicéphore Niépce em 1826, mostra a vista através de uma janela, como mesmo diz a legenda original.

Reproduzida através de tatuagens, adesivos e por outras formas, a imagem do guerrilheiro argentino Che Guevara (abaixo) é considerada a imagem mas exibida da história da fotografia. O retrato de Che foi feito por Alberto Korda durante um memorial dedicado às vítimas da explosão de La Coubre, no ano de 1960.

Retratada comicamente pelo artista Banksy, como vimos anteriormente, a imagem da tailandesa correndo com cara de horror, juntamente com seu povo também é uma imagem histórica. Kim Phúc, na época uma jovem no alto de seus dez anos de idade, era mais uma garota –  nua – fugindo de seu povoado que era alvo de um bombardeio de Napalm. A imagem foi vencedora do prêmio Pulitzer e é uma das mais famosas da Guerra do Vietnã. Phan Thị Kim Phúc é hoje Embaixatriz da Boa Vontade da UNESCO, e tem 49 anos.

  A imagem da garota afegã dos belos olhos verdes, de nome Sharbat Gula (abaixo) é um raro momento onde pode se ver o rosto descoberto de uma mulher que habita esta região. A imagem se tornou um símbolo entre o conflito entre afegãos e da situação dos refugiados por todo o mundo. A foto de Gula foi nomeada como a fotografia mais reconhecida na história da revista National Geographic, e fora tirada pelo fotógrafo Steve McCurry, há 28 anos. Gula perdeu os seus pais durante o bombardeio soviético do Afeganistão. Enquanto ela estava no campo de refugiados Nasir Bagh, no Paquistão, ela foi fotografada por Steve McCurry. Gula, então com 12 anos de idade, era uma das estudantes em uma escola dentro do campo de refugiados. McCurry tirou a foto quando a encontrou sem burca – dada a rara oportunidade de fotografar o rosto de mulheres afegãs.

 E o que dizer do homem que, sozinho, conseguiu impedir a passagem de tanques de guerra que circulavam em um campo de concentração chinês?  O homem tem a identidade mantida em sigilo até hoje, embora muitas pessoas acreditam que ele tenha sido executado pouco tempo depois de ter sido capturado pela polícia secreta da China. Fotografado por Stuart Franklin, o acontecimento é de 1989.

Provavelmente essa é a foto mais conhecida de Henri Cartier Bresson, um dos gênios da fotografia e criador do “decisive moment”. “Behind the Gare St. Lazare” congela o momento em que o homem salta sobre a poça d´água, ao fundo aparece o cartaz de uma bailarina em movimento análogo ao seu. A foto é de 1932.

 

Tudo indica que a foto acima foi a primeira publicada na Internet. Tim Berners-Lee pediu a um de seus colegas na universidade algumas fotos escaneadas das “CERN Girls” para “publicar em algum tipo de sistema de informações, que ele tinha acabado de inventar, chamado ‘World Wide Web’”, segundo o relato de Silvano de Gennaro, o cara que fez o upload da primeira foto clicada num browser de internet.

Todos se lembram do ataque às torres gêmeas, chamadas World Trade Center, não? A imagem de um homem se jogando de um dos prédios foi clicada por Richard Drew em 2001, mais precisamente às 9 horas 41 minutos e 15 segundos de 11 de setembro.

Já em  1945, final da Segunda Guerra Mundial, os soldados americanos voltavam para casa, o povo foi saudar aqueles que voltavam e festejar o fim da luta, a felicidade e alegria do povo era vista e registrada por toda parte, a imagem abaixo do marinheiro que beija a enfermeira entrou para história como um dos símbolos do final da segunda guerra, simbolizando o reencontro dos casais separados pela guerra, porém o fato é que o marinheiro da foto estava beijando todas as enfermeiras que encontrava, a imagem foi registrada por Alfred Eisenstaedt. A enfermeira faleceu recentemente, aos 91 anos. 


Por: Raphael Ezonne

Anúncios

Um comentário sobre “As melhores fotos da história

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s